Matéria publicada em 2 de outubro de 2019.

 

Sul Fluminense – O 5º CPA (Comando de Policiamento de Área) foi destaque no ranking de produtividade divulgado pelo comando da Polícia Militar, levando em conta todas as 40 unidades espalhadas pelo estado. Entre os três primeiros batalhões colocados no quesito “Prisões”, dois são do Sul Fluminense. O primeiro lugar ficou com o 10º Batalhão, com sede em Barra do Piraí e que cobre nove cidades. Em terceiro lugar ficou o 28º Batalhão, com sede em Volta Redonda e comandado pela tenente-coronel Luciana de Oliveira, que cobre quatro municípios.

O 10º Batalhão efetuou 1.559 prisões entre janeiro e o fim de setembro deste ano, enquanto o 28º Batalhão teve 1.518 suspeitos detidos neste mesmo período. Somando a produção dos dois batalhões, chega-se a 3.077 prisões efetuadas nos primeiros nove meses do ano. Isso representa quase 10% do volume total de prisões feitas no estado, que chegaram a 31.731 detenções.

Além disso, o 28º BPM ocupa o sétimo lugar no Estado em apreensões de armas, com 258 armamentos apreendidos. O 10º BPM é o oitavo lugar em apreensões de máquinas caça niqueis no Estado, com 208 equipamentos recolhidos.

O ranking traz outros dois detalhes ligados ao Sul Fluminense: o segundo lugar ficou com o 25º Batalhão, que tem sede em Cabo Frio e é comandado pelo Tenente Coronel Rodrigo Ibiapina, que foi um dos idealizadores do Ciosp (Centro Integrado de Operações em Segurança Pública), instalado em Volta Redonda. O quarto lugar ficou com o 8º BPM, comandado pelo tenente-coronel Luiz Henrique Barbosa, ex-comandante da Guarda Municipal de Volta Redonda.

Mais prisões

E outubro já começou com mais prisões efetuadas pelos policiais do 28º Batalhão. Na terça-feira (1), dois jovens, de 20 e 23 anos, suspeitos de tráfico de drogas foram detidos em Barra Mansa. O flagrante foi num imóvel na Travessa C, no Condomínio Aymoré, na Colônia Santo Antônio.

Segundo os PMs, o suspeito mais velho disse que foi à residência buscar o dinheiro da venda dos entorpecentes. O outro jovem também confirmou seu envolvimento no crime. Os agentes apreenderam 150 pinos de cocaína, R$ 232, dois celulares e um carro modelo Celta. O fato foi registrado na 90ª DP (Barra Mansa).

Além disso, policiais do 28º BPM, através da Pamesp, realizaram no início da tarde desta quarta-feira (02), nas imediações do Ciep 485 – Washington Luiz, no bairro Lazaredo, em Barra Mansa, a apreensão de dois menores, além da apreensão de 20 sacoles de pó amarelado (aparentando ser cocaína); 01 pedaço de erva seca (aparentando ser maconha); 03 pedras (aparentando ser crack); 05 rádios comunicadores e R$82,00 em espécie.

De acordo com os agentes, os adolescentes, após notarem a presença da PM, foram vistos fugindo pela linha do trem, em direção ao bairro Lazaredo. Os policiais estavam realizando um patrulhamento escolar nas imediações do Criaad e Ciep 485.

Os adolescentes, segundo a PM, foram encontrados e durante uma procura em um terreno próximo ao local que os adolescentes foram encontrados, os agentes conseguiram encontrar todo material apreendido. Um dos adolescentes, segundo os agentes, quando perguntado sobre a procedência do dinheiro, informou que o valor é proveniente da atividade ilícita de venda de entorpecentes. Com a apreensão e confissão, os dois foram levados para a 90ª DP (Barra Mansa).

 

Fonte: Jornal Diário do Vale

Foto: Divulgação PMERJ

Link: https://diariodovale.com.br/policia/batalhoes-do-sul-fluminense-entre-os-que-mais-prendem-no-estado/