Quarenta e dois policiais militares concluíram na manhã desta segunda-feira (25/11) o I Curso Operacional de Patrulhamento Especial Motorizado, ministrado ao longo de 60 dias por especialistas do RECOM (Batalhão de Rondas Especiais e Controle de Multidões) e instrutores externos.

A cerimônia de formatura foi realizada no pátio do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), no Estácio, onde o RECOM está funcionando provisoriamente até ser transferido para sua nova sede na Tijuca.

Dos participantes do curso, 22 policiais são lotados no RECOM e 20 vieram de outras unidades da Corporação. A realização desse curso passará a fazer parte do programa de especialização na Polícia Militar do Rio de Janeiro. No próximo ano, já estão programados dois cursos.

– Nossa ideia é disseminar essa expertise na Corporação. Afinal, o patrulhamento motorizado é parte do nosso DNA – explicou o Coronel Marcelo Moreira Malheiros, Comandante do RECOM, unidade especializada que completará um ano de criação em dezembro.

Antes da instituição do Curso Operacional de Patrulhamento Especial Motorizado no RECOM, a matriz doutrinária fora apreendida nas corporações coirmãs de São Paulo e Goiás.